Tarteletes com Frutos Vermelhos e Microvegetais | Red Berries & Microgreens Tartlets

tartlets w berries_7bOntem foi mais um dia em que falhei uma publicação, mas também foi dia de passeio, de almoçar num dos meus restaurantes favoritos, aproveitar para estar com amigos e curtir um pouco de Lisboa. Vivo tão perto dessa cidade linda, mas nunca a visito como gostava. Passeamos pelo Jardim Botânico e ainda deu para visitar algumas lojas que estavam abertas. Sabem bem estes dias. Apesar de gostar de estar em casa, prefiro passear, ver coisas coisas novas ou até mesmo rever o que já estava esquecido.

É por gostar tanto de passear que não hesitei em aceitar o convite dos meus pais de ir com eles mais a minha filhota, passar uns dias fora. Aproveitar a praia, pois sei que a minha Didi adora. No entanto vai ser um desafio. Sendo vegetariana e os meus pais não, nem sempre é fácil conjugar os dois tipos de alimentação. Eles acham que só se  fica satisfeito com proteína animal. Eu discordo e sei que existem muitas maneiras de substituir a carne ou o peixe. Pelo menos e o que é mais aceitável para eles são as saladas. E algo que adoro de colocar nelas são ervas aromáticas ou até mesmo estes microvegetais. Mas tratando-se este de um blog de doces, tinha que te sugerir uma opção doce certo? Pode parecer estranho, mas todos estes ingredientes combinam na perfeição e o melhor é que é uma receita sem açúcar e sem glúten.

Bem, estou de malas à porta e vou aproveitar para estar uns dias fora, poucos, mas sei que me vão saber bem. Entretanto levo comigo esta caixinha linda de microvegetais da Life in a Bag e quem sabe ainda consigo converter os meus pais a uma nova alimentação! ^_^

Yesterday was another day where I failed to post, but it was also a going out kinda day, of having lunch in one of my favorite restaurants, taking the opportunity to be with my friends and enjoying Lisbon. I live so close to this beautiful city, but I never visit it as much as I’d like to. We walked around the Botanical Garden and we even went to some stores that were still open. These days feel great. Although I like staying home, I prefer to walk around, see new things or just revisit places that were once forgotten.

It’s because I like walking so much that I didn’t hesitate on accepting my parents invite of going with them along with my daughter to spend some days off town. Enjoying the beach because I know my Didi loves it, although it’s going to be a challenge. Being vegetarian while my parents aren’t is not always easy to conjugate these two types of diets. They think you’re only satisfied with animal protein. I disagree and I know there are many other ways to replace meat or fish. At least salads are still acceptable to them. And I love adding herbs to them, or even microgreens. But seeing as this is a sweets blog, I had to suggest a sweet option for you, right? It might seem strange, but these ingredients mix perfectly with each other and the best part is that this recipe is sugar free and gluten free.

Well, I already have my bags packed by the door and I’ll take this opportunity to spend some days off, not too many, but I know they’re going to be awesome. Meanwhile, I’ll bring with me this beautiful box by Life in a Bag with some microgreens, and who knows, I might just convert my parents to a new diet! ^_^

tartlets w berries_2

tartlets w berries_16

tartlets w berries_3 copy

tartlets w berries_7

tartlets w berries_9

tartlets w berries_8

tartlets w berries_11

tartlets w berries_13

tartlets w berries_15

TARTELETES COM FRUTOS VERMELHOS E MICROVEGETAIS (sem açúcar e sem glúten) 

(serve 4)

Crosta:

  • 1/4 caneca de chocolate magro em pó Pantagruel
  • 1/2 caneca de amendoa moída
  • 1 caneca de farinha de aveia
  • 1/4 caneca de sementes de abóbora (opcional ou podes usar outro tipo de semente)
  • 1 c. sobremesa de extracto de baunilha
  • 6 c. sopa (85g) de manteiga , derretida
  • pitada de sal
  • 60ml de mel

Recheio:

  1. Começa por preparar a farinha de aveia, triturando a aveia num processador de alimentos, de seguida junta as sementes de girassol e pulsiona umas quantas vezes.
  2. Adiciona o resto dos ingredientes e tritura tudo por 1 min, até se formar uma pasta.
  3. Divide a massa por 4 bases de tartes pequenas. Usa os dedos ou uma colher para espalhar a massa. Caso esteja um pouco mole e a desfazer, leva ao frio por 5-10min, coberta com película aderente, para que seja mais fácil espalhar sobre as bases.
  4. Leva ao forno pré-aquecido, a 175ºC, por 20-25 min ou até ficar firme. Retira do forno e deixa arrefecer até temperatura ambiente.
  5. Entretanto bate o queijo mascarpone com as natas e o mel, até formar um creme macio. Leva ao frio para refrescar.
  6. Com cuidado desenforma as tarteletes e leva também ao frio, por 10-15min para refrescar.
  7. Antes de servir, cobre as tarteletes com o creme de mascarpone e adiciona-lhe morangos cortados e algumas framboesas. Rega-as com um fio fino de mel e decora-as com os microvegetais frescos e cortados na hora.

Dicas: Com a massa crua e coberta com película aderente, podes congelar até 15 dias a 1 mês. Deixa descongelar e leva ao forno.

Espero que gostes!

RED BERRIES & MICROGREENS TARTLETS (sugar and gluten free)

(makes 4)

Crust:

  • 1/4 cup Pantagruel's cocoa powder 
  • 1/2 cup almond flour
  • 1 cup oat flour
  • 1/4 cup pumpkin seeds (optional or use other type of seeds)
  • 1 tsp vanilla extract
  • 6 tbsp (85g) butter, melted
  • pinch of salt
  • 60ml honey

Filing:

  • 250g mascarpone cheese
  • 200ml heavy cream
  • 2-3 tbsp honey
  • strawberries, to taste
  • Drupus by Wildbessy raspberries, to taste
  • Life in a Bag's micogreens, to taste 
  1. In the bowl of a food processor, reduce the oats in to a flour. Add the pumpkin seeds and pulse a few times. 
  2. Add the remain ingredientes and process until the mixture forms large, moist clumps.
  3. Divide the batter over the 4 small tartlets bases. Use your fingers or back of the spoon to press the dough. If the dough is soft or sticky, chill it for 5-10 minutes until it will behave, cover first with film.
  4. Place on  baking sheet and bake until dry, for about 20-25 minutes, on a pre-heat oven to 175ºC. Let cool to room temperature. 
  5. Meanwhile make the filling. Beat the cheese with the cream and honey until smooth. Place on the fridge to cool. 
  6. Carefully remove the tartlets from the bases and take it to the fridge to cool, about 10-15min.
  7. Before serving, cover the tartlets with the cream and garnish with the sliced strawberries, raspberries, a drizzle of honey and  the fresh microgreens.

Tip: Cover the dough with film and freeze for up 15 days to 1 month. Let leads to thaw and bake it. 

Enjoy!

Mousse de Morango | Strawberry Mousse

strawberry mousse_7Quando estão na época deles, nunca faltam morangos cá em casa. Adoro-os, quer sejam ao natural, com hortelã, mel, natas, em bolos ou até em saladas. Quando vou às compras passo mais tempo a escolher morangos do que propriamente no resto das compras. Sou de certo modo “picuinhas” com eles. Dou sempre preferência aos meus pequenos e mais vermelhos, por terem o sabor mais concentrado e, claro, por ficar melhor nas fotos.

Desta vez apetecia-me uma mousse de morango, mas não me apetecia estar à espera até que solidifica-se. Lembrei-me que ainda tinha uma compota de morango no frigorifico e acabei assim por inventar uma mousse de morango fingida. Mas lá por ser fingida não quer dizer que seja igualmente boa, certo? E para além disso é super rápida, simples e igualmente fresca.

Eu gostei muito... acho que também vais gostar!

strawberry mousse_5

strawberry mousse_ 8

strawberry mousse_2

 

strawberry mousse_3

strawberry mousse_4

MOUSSE DE MORANGO

(serve 4)

Para a base:

  • 200g de morangos
  • 1 c. sopa de açúcar
  • 1 folha de manjericão (ou hortelã), picado
  • 1 c. sobremesa de sumo de laranja (opcional)

Lava e corta os morangos em 4. Coloca todos os ingredientes numa taça, envolve e deixa macerar por 5-10min.

Para a mousse:

  • 200ml de natas frescas
  • 125ml de iogurte natural Grego
  • 2-3 c. sopa de compota de morango (eu usei a Bonne Maman)
  1. Bate as natas com o iogurte até estarem bem firmes.
  2. Com uma espátula envolve a compota de morango, sem mexer demasiado. Se preferires acrescenta mais compota para adoçar.
  3. Coloca os morangos cortados no fundo de um copo e por cima acrescenta a mousse. Acrescenta uma colher de sobremesa de compota por cima e morangos a gosto.
  4. Leva ao frio para refrescar um pouco, 30min é suficiente.

Espero que gostes! 

STRAWBERRY MOUSSE

(makes 4)

base:

  • 200g strawberries
  • 1 tbsp sugar
  • 1 basil leaf (or mint), chopped
  • 1 tsp orange juice (optional) 

Wash and cut in 4 the strawberries. Place all the ingredients in a bowl, mix, and let set for 5-10min.

Mousse:

  • 200ml heavy cream
  • 125ml Greek natural yogurt
  • 2-3 strawberry jam (I used Bonne Maman)
  1. Whip the heavy cream with the yogurt until stiff peaks. 
  2. Fold in the strawberry jam, do not overmix. Add more jam to sweeten the mousse.
  3. Place the sliced strawberry in individual glasses and over it pour the mousse. Add one extra tsp of strawberry jam and garnish with fresh strawberries.
  4. Take it to the fridge to cool, about 30min. 

Enjoy!

 

Bolo Cru de Morango | Raw Strawberry Cake

raw strawberry cake_2 Tinha de voltar a fazer um bolo cru, que desta vez a textura fosse diferente, macia e igualmente delicioso.

Por isso lá fui eu para a cozinha poucos dias depois de ter feito o ultimo (este aqui), e este foi o resultado. Os cajus demolhados são mesmo essenciais para conseguir a textura que queria.

Estava toda contente com o resultado final, tirei do congelador a tempo de salpicar com o chocolate branco e armei a bancada para fotografar a beleza. Deixei na bancada e entretanto uma coisinha fofa interrompeu-me o ritmo e tive que lhe dar um pouco de atenção. A minha filha adora que eu corra pela casa a fingir que não me consegue apanhar. As gargalhadas são deliciosas. Adoro vê-la a divertir-se enquanto olho para os meus cães e estão os dois com cara de: “mas que raio estão aquelas duas a fazer? Eh, deixem-nos lá dormir e estejam quietas!” – estes dois só sabem mesmo dormir e ladrar de vez em quando para os outros cães que passam na rua. :)

Bem, mas depois de tanta brincadeira voltei ao bolo a pensar que já não devia de estar inteiro! Oh, mas estava, nada derreteu. Estava perfeito! Lá fui eu toda contente tirar as fotos, só quando cheguei à parte de cortar a fatia é que vi que algo se passava, não deu para cortar uma fatia limpa e direita. Fiquei super triste de não ter conseguido isso para as fotos, mas olha a fatia foi toda! Estava ótimo, saboroso e adorei a textura. Por isso já sabes, não deixes muito tempo fora do frio, só mesmo pelo aspecto.

Gostei tanto que é bem possível voltar a fazer aqui para o blog, mas com outro sabor! É que o meu marido estava fora e não chegou a provar a textura deste. (As desculpas que dou para fazer mais um bolo são boas, não são!? :P )

I just had to make another raw cake, this time I wanted the texture to be different, soft and equally as delicious.

And so, there I went to the kitchen a few days after baking another one (this one), and this was the result. The soaked cashews were really essential to get that texture that I wanted.

 I was so happy with the final result, I took it out of the freezer just in time to dabble it with the white chocolate and assemble my countertop to photograph this beauty.

I left it in the countertop and meanwhile this cute thing interrupted my rhythm and I had to give her a bit of my attention. My daughter loves it when I run around the house pretending she’s going to catch me. Her giggles are perfect. I love seeing her have fun while I look at my dogs and both of them are making faces like “what the hell are those two doing? Eh, be quiet and let us sleep!” – these two only know how to sleep and bark whenever other dogs pass by the street. :)

 And then, after all this play, I went back to the cake thinking it wouldn’t be in one piece! Oh, but it was, nothing melted. It was perfect! There I went all happy taking the photos, and only when I was starting to cut a slice that I realized that something was wrong, I couldnt cut one clean straight across slice. I was so sad about not getting a chance to photograph it, so I ended up eating it afterwards! It was amazing, tasty and I loved the texture. So now you know, don’t let it out of the fridge for too long, if you want to mantain it’s looks.

 I loved it so much that I might just do it again for the blog, but with another flavour of course! Because my husband was away and didn’t have a chance to try out this one. (The excuses I make up just to bake more cakes are good, aren’t they!? :P)

raw strawberry cake_10

raw strawberry cake_1

raw strawberry cake_5

raw strawberry cake_3

raw strawberry cake_7

raw strawberry cake_8

BOLO CRU DE MORANGO (Sem açúcar e sem glúten)

Para a base:

  • 1 1/2 caneca de amêndoas
  • 1 c. sobremesa de água
  • 6 tâmaras, sem caroço
  • 1/8 caneca de arandos secos (opcional)

Recheio:

  • 3 canecas de cajus, demolhados em água no mínimo 6h
  • 3 canecas de morangos
  • sumo de 1 limão pequeno
  • 9 c. sopa de óleo de coco
  • 60ml de mel
  • 1 banana (opcional)
  • 60ml  de leite de coco (coloca a lata no frio por algumas horas)

Decoração:

  • 50g chocolate branco Pantagruel, derretido
  • morangos e framboesas
  1. Coloca todos os ingredientes para a base num processador de alimentos, tritura bem até ficar uma pasta.
  2. Cobre a base de uma forma, de fundo amovível, de 18cm,  com papel vegetal. Por cima coloca a pasta anterior, alisando com uma colher. Cobre com película aderente e leva ao congelador enquanto preparas os restantes passos.
  3. Lava e corta os morangos em pedaços. Reserva.
  4. Com o processador de alimentos limpo, tritura os cajus (sem a água) até formar uma pasta.
  5. Aquece o óleo com o mel e junta este à pasta dos cajus. Acrescenta os restantes ingredientes, sem esquecer que no caso do leite de coco não deves juntar a parte liquida que fica no fim da lata. Envolve tudo na potência máxima até ficar  homogéneo.
  6. Verte por cima da base, cobre com película e leva ao congelador por 4h ou até solidificar.
  7. Antes de retirar o bolo do congelador, derrete o chocolate branco em banho-maria.
  8. Retira do congelador e desenforma com cuidado. Com a ajuda de uma colher "salpica" com o chocolate a gosto. Decora com alguns morangos e framboesas.
  9. Deixa repousar uns 10min. Passa uma faca por água quente, limpa-a com um pano e corta uma fatia.

Espero que gostes! 

RAW STRAWBERRY CAKE (Sugar & Gluten Free)

crust:

  • 1 1/2 cup almonds
  • 1 tsp water
  • 6 dates, pitted
  • 1/8 cup dried cranberries (optional)

filling:

  • 3 cups raw cashews, soaked in water for at least 6 hours
  • 3 cups strawberries
  • juice of 1 small lemon
  • 9 tbsp coconut oil
  • 60ml honey
  • 1 banana (optional)
  • 60ml  coconut milk refrigerated

garnish:

  • 50g Pantagruel's white chocolate , melted
  • strawberries and raspberries
  1. Add all the base ingredients on a food processor, blend it until you have a paste, on high speed. 
  2. Line the bottom of a spring form pan, with 18cm, with parchment paper. Press the mixture into the prepared pan, with a spoon, then cover with plastic and freeze until ready to use. 
  3. Wash and slice the strawberries. Reserve.
  4. With the food processor clean, blend the cashews (without the water) until you have a paste.
  5. Melt the coconut oil together with the honey. Add it to the cashew paste, together with the remain ingredients. (do not add the coconut liquid, scoop just the white part). Blend all in hight speed until smooth.
  6. Pour the filling on top,  over the crust. Cover with plastic and return to the freezer for 4h or until is firm.
  7. Before removing the cake from the freezer melt the white chocolate in bain-marie.
  8. Remove it from the freezer and with a spoon drizzle the chocolate. Garnish with some strawberries and raspberries.
  9. Let it thaw for a moment before slicing and serving. Run a knife under warm water , and dry off before cutting, to make a cleaner cut.

Enjoy!