Tarteletes com Frutos Vermelhos e Microvegetais | Red Berries & Microgreens Tartlets

tartlets w berries_7bOntem foi mais um dia em que falhei uma publicação, mas também foi dia de passeio, de almoçar num dos meus restaurantes favoritos, aproveitar para estar com amigos e curtir um pouco de Lisboa. Vivo tão perto dessa cidade linda, mas nunca a visito como gostava. Passeamos pelo Jardim Botânico e ainda deu para visitar algumas lojas que estavam abertas. Sabem bem estes dias. Apesar de gostar de estar em casa, prefiro passear, ver coisas coisas novas ou até mesmo rever o que já estava esquecido.

É por gostar tanto de passear que não hesitei em aceitar o convite dos meus pais de ir com eles mais a minha filhota, passar uns dias fora. Aproveitar a praia, pois sei que a minha Didi adora. No entanto vai ser um desafio. Sendo vegetariana e os meus pais não, nem sempre é fácil conjugar os dois tipos de alimentação. Eles acham que só se  fica satisfeito com proteína animal. Eu discordo e sei que existem muitas maneiras de substituir a carne ou o peixe. Pelo menos e o que é mais aceitável para eles são as saladas. E algo que adoro de colocar nelas são ervas aromáticas ou até mesmo estes microvegetais. Mas tratando-se este de um blog de doces, tinha que te sugerir uma opção doce certo? Pode parecer estranho, mas todos estes ingredientes combinam na perfeição e o melhor é que é uma receita sem açúcar e sem glúten.

Bem, estou de malas à porta e vou aproveitar para estar uns dias fora, poucos, mas sei que me vão saber bem. Entretanto levo comigo esta caixinha linda de microvegetais da Life in a Bag e quem sabe ainda consigo converter os meus pais a uma nova alimentação! ^_^

Yesterday was another day where I failed to post, but it was also a going out kinda day, of having lunch in one of my favorite restaurants, taking the opportunity to be with my friends and enjoying Lisbon. I live so close to this beautiful city, but I never visit it as much as I’d like to. We walked around the Botanical Garden and we even went to some stores that were still open. These days feel great. Although I like staying home, I prefer to walk around, see new things or just revisit places that were once forgotten.

It’s because I like walking so much that I didn’t hesitate on accepting my parents invite of going with them along with my daughter to spend some days off town. Enjoying the beach because I know my Didi loves it, although it’s going to be a challenge. Being vegetarian while my parents aren’t is not always easy to conjugate these two types of diets. They think you’re only satisfied with animal protein. I disagree and I know there are many other ways to replace meat or fish. At least salads are still acceptable to them. And I love adding herbs to them, or even microgreens. But seeing as this is a sweets blog, I had to suggest a sweet option for you, right? It might seem strange, but these ingredients mix perfectly with each other and the best part is that this recipe is sugar free and gluten free.

Well, I already have my bags packed by the door and I’ll take this opportunity to spend some days off, not too many, but I know they’re going to be awesome. Meanwhile, I’ll bring with me this beautiful box by Life in a Bag with some microgreens, and who knows, I might just convert my parents to a new diet! ^_^

tartlets w berries_2

tartlets w berries_16

tartlets w berries_3 copy

tartlets w berries_7

tartlets w berries_9

tartlets w berries_8

tartlets w berries_11

tartlets w berries_13

tartlets w berries_15

TARTELETES COM FRUTOS VERMELHOS E MICROVEGETAIS (sem açúcar e sem glúten) 

(serve 4)

Crosta:

  • 1/4 caneca de chocolate magro em pó Pantagruel
  • 1/2 caneca de amendoa moída
  • 1 caneca de farinha de aveia
  • 1/4 caneca de sementes de abóbora (opcional ou podes usar outro tipo de semente)
  • 1 c. sobremesa de extracto de baunilha
  • 6 c. sopa (85g) de manteiga , derretida
  • pitada de sal
  • 60ml de mel

Recheio:

  1. Começa por preparar a farinha de aveia, triturando a aveia num processador de alimentos, de seguida junta as sementes de girassol e pulsiona umas quantas vezes.
  2. Adiciona o resto dos ingredientes e tritura tudo por 1 min, até se formar uma pasta.
  3. Divide a massa por 4 bases de tartes pequenas. Usa os dedos ou uma colher para espalhar a massa. Caso esteja um pouco mole e a desfazer, leva ao frio por 5-10min, coberta com película aderente, para que seja mais fácil espalhar sobre as bases.
  4. Leva ao forno pré-aquecido, a 175ºC, por 20-25 min ou até ficar firme. Retira do forno e deixa arrefecer até temperatura ambiente.
  5. Entretanto bate o queijo mascarpone com as natas e o mel, até formar um creme macio. Leva ao frio para refrescar.
  6. Com cuidado desenforma as tarteletes e leva também ao frio, por 10-15min para refrescar.
  7. Antes de servir, cobre as tarteletes com o creme de mascarpone e adiciona-lhe morangos cortados e algumas framboesas. Rega-as com um fio fino de mel e decora-as com os microvegetais frescos e cortados na hora.

Dicas: Com a massa crua e coberta com película aderente, podes congelar até 15 dias a 1 mês. Deixa descongelar e leva ao forno.

Espero que gostes!

RED BERRIES & MICROGREENS TARTLETS (sugar and gluten free)

(makes 4)

Crust:

  • 1/4 cup Pantagruel's cocoa powder 
  • 1/2 cup almond flour
  • 1 cup oat flour
  • 1/4 cup pumpkin seeds (optional or use other type of seeds)
  • 1 tsp vanilla extract
  • 6 tbsp (85g) butter, melted
  • pinch of salt
  • 60ml honey

Filing:

  • 250g mascarpone cheese
  • 200ml heavy cream
  • 2-3 tbsp honey
  • strawberries, to taste
  • Drupus by Wildbessy raspberries, to taste
  • Life in a Bag's micogreens, to taste 
  1. In the bowl of a food processor, reduce the oats in to a flour. Add the pumpkin seeds and pulse a few times. 
  2. Add the remain ingredientes and process until the mixture forms large, moist clumps.
  3. Divide the batter over the 4 small tartlets bases. Use your fingers or back of the spoon to press the dough. If the dough is soft or sticky, chill it for 5-10 minutes until it will behave, cover first with film.
  4. Place on  baking sheet and bake until dry, for about 20-25 minutes, on a pre-heat oven to 175ºC. Let cool to room temperature. 
  5. Meanwhile make the filling. Beat the cheese with the cream and honey until smooth. Place on the fridge to cool. 
  6. Carefully remove the tartlets from the bases and take it to the fridge to cool, about 10-15min.
  7. Before serving, cover the tartlets with the cream and garnish with the sliced strawberries, raspberries, a drizzle of honey and  the fresh microgreens.

Tip: Cover the dough with film and freeze for up 15 days to 1 month. Let leads to thaw and bake it. 

Enjoy!

Bolo Cru de Manga | Raw Mango Cake

Mango Raw Cake_1Gosto de experimentar sempre coisas diferentes. Apesar da minha paixão serem os outros bolos, de vez em quando procuro fazer uma receita diferente. E em primeiro lugar tinha na minha lista: 1. Fazer um bolo cru, que seja SEM açúcar, SEM glúten e VEGAN! O que está em segundo na lista, perguntas tu? Hum, bolo de morangos ou de framboesas, mousse de abacate, tarte de morangos, eton mess, qualquer coisa com limas, mais morangos e framboesas e ainda mais morangos e framboesas, ou ou mais um bolo cru que até pode ser de chocolate!!! Ok, não me consigo decidir!!! Uma ajudinha, por favor? Eheh

Voltando a este bolo, a minha intenção era que ficasse mais macio do que demasiado firme, mas para isso precisava de ter uma boa quantidade de cajus em casa... coisa que não tinha! Enfim, tive que adaptar a receita ao que estava disponível na despensa! Não sei se dá para perceber, mas a decisão e acção de fazer este bolo foi coisa de poucos minutos. Tenho muitas vezes estes “espasmos” e de pensar: “Ah, tenho 5min livres, porque a minha bebé está a brincar com o Pai!! YEIII, VOU FAZER UM BOLO!!!! Tenho todo o tempo do mundo!!!!!!” .  E a 2min de começar o que acontece? “MOOORRR,o que é que eu visto à menina!? Onde é que estão as pantufas dela?” – Pois é, ser mãe é mesmo assim! Temos que saber de tudo e é por isso que 5min apenas, sozinha, são tão apreciados. (E agora pensas tu: “Pff, não estás agora a escrever este post? É porque tens tempo livre!!! – Pois, mas quem é que está aqui ao meu colo e quem é que está só a escrever com uma mão? :) )

Voltando novamente a esta receita, pensei se devia ou não publicar já, porque ainda não estão aqueles dias quentes que apetece algo bem fresco e gelado, mas adorei tanto a base que decidi arriscar. Ainda pode ser cedo para a comeres, mas pelo menos fica aqui uma sugestão saudável e diferente!

I always like trying out different things. Although my passion is other types of cakes, once in a while, I like searching for a different type of recipe. What I had in mind firstly in my to do list was: 1. make a raw cake, that had NO sugar, that was gluten FREE and VEGAN! Secondly on my list, you ask? Hum, a strawberry or raspberry cake, avocado mousse, strawberry pie, eton mess, something with lime, more strawberries and raspberries and even more strawberries and raspberries, or another raw cake with chocolate!!! Ok, I can’t decide!!! A little help, please? Ahaha

Back to this one, my intention was to make it softer than firm, and for that I needed a bit quantity of cashews in my house... which I didn’t have! In the end, I had to adapt the recipe to what I had available in my pantry! I don’t know if you can tell, but my decision to make this cake was kinda last minute. I have these out of the blue thoughts and think: “Hey, I have 5min to myself, because my daughter is playing with her Dad!! YAYYY, I’LL GO BAKE A CAKE!!!! I have all the time in the world!!!!!!” – and 2min in starting, what happens? “HONEEYYYYY, what do I dress her!? Where are her slippers?” – That’s right, being a mom is exactly like this! We have to know where everything is and that’s why 5min only, to myself, need to be cherished. (And now you think: “Pff, aren’t you typing this post? That means you have a lot of free time!!! – Yeah, but who’s sitting here in my lap while I’m typing this with only one hand? :) )

Back to the recipe, I pondered whether or not I would publish it, seeing as the days still aren’t that hot that all you want is something fresh and cool, but I loved the base so much that I decided to risk it. It may be a little early to eat it, but at least here’s a suggestion for something healthy and different!

Mango Raw Cake_2

Mango Raw Cake_7

Mango Raw Cake_6

Mango Raw Cake_4

Mango Raw Cake_8BOLO CRU DE MANGA (gelado, sem açúcar, sem glúten e Vegan)

(inspirado na receita do blog Tuulia Talvio)

Para a base:

  • 20 figos secos
  • 1/8 caneca de arandos secos (opcional)
  • 1/2 caneca de cajus (ao natural)
  • 1 caneca de frutos secos (amêndoas, avelãs, nozes)
  • 1 c. sobremesa de água

Para o puré de manga:

  • 2 mangas, bem maduras
  • 200ml de leite de coco, fresco (coloca a lata no frio por algumas horas)

Para servir:

  • framboesas ou outra fruta da época
  1. Retira o pé, a parte mais rija do figo, com uma faca e coloca-os num processador de alimentos, juntamente com os restantes ingredientes. Tritura bem até fica uma pasta.
  2. Cobre a base de uma forma, de fundo amovível, de 18cm,  com papel vegetal. Por cima coloca a pasta anterior, alisando com uma colher. Cobre com película aderente e leva ao congelador enquanto preparas os restantes passos.
  3. Descasca e corta as mangas em pedaços. No processador de alimentos, tritura as mangas até estarem em puré, acrescenta o leite de coco, sem adicionar a parte liquida que fica no fim. Envolve no puré na potência minima.
  4. Verte por cima da base de figo e leva novamente ao congelador por 4h ou durante a noite.
  5. Antes servir retira do congelador e deixa repousar uns 10-15min. Passa uma faca por água quente, limpa-a com um pano e corta uma fatia.
  6. Serve com fruta.

Espero que gostes!

RAW MANGO CAKE (Vegan, Sugar and Glúten free)

(inspired on Tuulia Talvio blog)

crust:

  • 20 dried figs
  • 1/8 cup dried cranberries (optional)
  • 1/2 cup raw cashews
  • 1 cup of nuts (almonds, hazelnuts, walnuts)
  • 1 tsp water

mango purée:

  • 2 ripe mangos
  • 200ml coconut milk refrigerated

Para servir:

  • raspberries or other fruit
  1. With a knife remove the stiff part of the figs and add it to a food processor together with the remain ingredients. Blend it until you have a paste, on high speed. 
  2. Line the bottom of a spring form pan, with 18cm, with parchment paper. Press the mixture into the prepared pan, with a spoon, then cover with plastic and freeze until ready to use. 
  3. Peel and chop the mangos. Blend it on the food processor, scoop out the white part from the coconut can and add to the blender. (do not add the liquid) Blend all the  ingredients until smooth, on low speed. 
  4. Pour the filling on top,  over the crust. Cover with plastic and return to the freezer for 4h or overnight.
  5. Let it thaw for a moment before slicing and serving. Run a knife under warm water , and dry off before cutting, to make a cleaner cut.
  6. Serve it with the raspberries or other fruit.

 

Enjoy!

Pudim de Chia e Baunilha com Puré de Manga | Vanilla & Chia Pudding w/ Mango Puree

vanilla chia pudding9Sempre que via receitas com sementes de Chia, ficava sempre com a mesma dúvida, se ia gostar. Até ganhar coragem em provar, achava aquelas sementinhas um pouco estranhas e achava que iria estranhar a sua textura. Mas como sou uma fanática por sementes e porque dois dos meus food bloggers preferidos (Ananás e Hortelã e Sweet Gula) me inspiraram a usar esta semente, decidi arriscar! E não é que adorei!??? Apesar de ter feito uma careta na primeira colherada, à segunda deixei de a fazer e depois à terceira habituei-me à sua textura um pouco gelatinosa e fui sentindo aquele sabor a baunilha, que tanto adoro e lá no fundo um pouco do leite de coco. Será escusado dizer que fiquei fã!

Em pouco menos de 4 dias fiz duas vezes este pudim. O primeiro servi apenas umas frutas, como morangos e romã. Que só assim ficou optimo! Mas na segunda vez quis tornar este pudim um pouco mais interessante, juntando um puré de manga. Este veio dar a este doce algo de maravilhoso, tanto pelo contraste de texturas, cores e sabores!

Quando olho para um destes frascos, sinto que estamos cada vez mais perto da Primavera, apesar de lá fora ainda estar um frio de rachar... Já tenho saudades dela!

Everytime I saw recipes with Chia seeds, I always felt dubious whether I would like it or not. I gained some courage in trying it out, I thought those little seeds were a little strange and I thought I wouldn’t like the strange texture. But because I love seeds and because two of my favourite food bloggers (Ananás e Hortelã and Sweet Gula)  inspired me to use this seeds, I decided to do it! And I loved it!!!

Although I did make a silly face after the first spoonful, at the second try I stopped making it and at the third try I got used to it’s gelatina like texture and tasted the vanilla, that I love so much and the little coconut milk at the end. Needless to say, I’m not a fan.

In less than 4 days I made this pudding two times. The first one I served it only with some fruit, like strawberries and pomegranate. Even like this it was great! But on the second time, I tried turning the pudding a little bit more interesting, adding in mango puree. It brought the this treat something amazing, not only for the contrast of the textures, the colours and flavour!

When I look at one of these bottles, I feel like we’re getting closer and closer to Spring, althought it’s still freezing cold outsider… I’m already missing it!

vanilla chia pudding8

vanilla chia pudding1

vanilla chia pudding3 copy

vanilla chia pudding4

vanilla chia pudding2

vanilla chia pudding10

vanilla chia pudding7

PUDIM DE CHIA E BAUNILHA

(serve 4)

  • 400ml de leite de coco
  • 50g de sementes de chia
  • 1 c. sopa de mel
  • 1 c. sobremesa de extracto de baunilha
  • puré de 1 manga madura
  • fruta fresca q.b.
  • hortelã q.b.
  1. Junta todos os ingredientes, à excepção do puré de manga num recipiente com tampa, mexe até ficar tudo incorporado, fecha e leva ao frio por meia hora.
  2. Nessa primeira meia hora, vai mexendo a mistura de 10 em 10min.
  3. Deixa as sementes hidratarem no mínimo 4-5h ou então durante a noite, preferencialmente.
  4. Para o puré de manga, basta retirares a casca e o caroço, cortar em pequenos pedaços e triturar tudo com a varinha mágica. Se a manga for um pouco ácida, acrescenta uma c. sobremesa de mel ou até ficar doce ao teu gosto.
  5. Antes de servir, divide o puré de manga em 4 copos e por cima dispõem o pudim de chia. Se achares que este está muito espesso acrescenta 1 a 2c. sobremesa de leite de coco.
  6. Decora com fruta fresca, como romãs e morangos e uma folha de hortelã.

Dica: Podes sempre colocar este doce em frasquinhos individuais e levar como sobremesa para o trabalho.

Espero que gostes!

 

VANILLA & CHIA PUDDING

(makes 4)

  • 400ml coconut milk
  • 50g chia seeds
  • 1 tbsp honey
  • 1 tsp vanilla extract
  • puree of 1 mango
  • fresh fruit
  • mint
  1. Mix all the ingredients, except the mango puree in a big jar with a lid, mix well. Close the jar and leave in the fridge for an half an hour.
  2. In this half an hour, every 10min mix again.
  3. Leave the pudding rest in the fridge for 4-5hours, minimum, or over night as I did.
  4. To make the mango puree, peel the mango and remove the core, cut in small pieces and use the food processor to make the puree. If the mango is too acid, mix 1 tsp of honey or more. 
  5. Before serving divide the mango puree in 4 small jars or glasses and over it add the chia pudding. If you think the pudding is too thick add 1 or 2 tsp of coconut milk, and mix again. 
  6. Serve with fresh fruit, as pomegranates and strawberries and a mint leaf. 

Tip: You can always bring this dessert to work by putting it in individual jars. 

Enjoy!